O Continente Africano

1. Caracterização do Continente Africano

A África é uma massa de terra emersa contínua, com cerca de 30,2 milhões de km², o que corresponde a 22% das terras emersas do planeta. O território africano tem 8.050 km no sentido norte-sul e 7.560 km no sentido leste-oeste.  Possui uma população de mais de 1 bilhão de habitantes, correspondente a 14% da população mundial (NATIONAL GEOGRAPHIC, 2008, p. 6).

De acordo com o mapa 1, ao norte, o continente africano é atravessado pelo Trópico de Câncer e ao sul pelo Trópico de Capricórnio. A Linha do Equador corta o centro do continente, e o Meridiano de Greenwich atravessa-o a oeste. Dessa forma, a África é o único continente que possui terras nos quatro hemisférios.

Limita-se ao norte com o mar Mediterrâneo; os golfos de Gabes (Tunísia) e Sirte (Líbia) e os cabos Espartel (Marrocos) e Bon (Tunísia) são os acidentes litorêos mais importantes nessa zona. A leste, o canal de Suez, o mar Vermelho, o golfo de Adem e o Oceano Índico assinalam o limite com o continente asiático; nesse litoral retilíneo e rochoso em sua maior parte, destacam-se os cabos Guardafui (península da Somália) e Delgado (Moçambique). A costa atlântica, que se estende do cabo Espartel até o das Agulhas(extremo sul). (BARSA, 2002, p.112-113. v.01). O Mapa 2 demonstra a divisão política da África.